DICAS DE COMO REDIGIR UMA BOA REDAÇÃO

Redação - Aprenda a escrever bons textos para o vestibular.
Por: ColégioWeb

Antes de começar a redigir uma redação é recomendável que faça um rascunho com todas as informações que você tem sobre o determinado assunto, desta forma ficará mais fácil na hora de organizar as idéias na redação.

As idéias que serão transmitidas devem estar claras primeiramente para você.

Quando se tem conhecimento sobre o tema proposto é muito bom, mas só isso não basta, é preciso também saber organizar suas idéias e jamais fugir do tema proposto.

Organize suas idéias encaixando-as no texto de uma maneira que fique de fácil entendimento ao receptor.

Evite usar palavras repetidas, pois isso dá impressão de que você não tem um vocabulário rico.

O nervosismo é um fator presente nos momentos em que precisamos fazer uma redação, principalmente quando ela estará valendo nota na escola, em prova de vestibular ou concurso. Mas é preciso manter a calma, pois tendo calma, terá mais chances de conseguir organizar as idéias com clareza. Apesar de muitas vezes ser exigido que na redação seja colocada a sua opinião, nunca coloque um texto dissertativo em primeira pessoa, evite palavras como: “eu”, “acho”, etc.

Estes termos empobrecem sua redação. Prefira usar na terceira pessoa (nós achamos), fazendo com que sua opinião seja a mesma de várias pessoas.

Muitas vezes a dificuldade vem da falta de informação sobre o assunto, por isso, lembre-se: quanto mais informações você tiver durante o dia-a-dia sobre diversos assuntos, mais fácil será de ter argumentos na hora de redigir uma redação. Vamos aprender a elaborar uma boa redação?

Fonte: http://www.mundovestibular.com.br/articles/1428/1/Redacao---A-Importancia-dos-Conectivos/Paacutegina1.html

A Importância dos Conectivos


Por: Clélio Borges

A coesão de um texto depende muito da relação entre as orações que foram os períodos e os parágrafos. Os períodos compostos precisam ser relacionados por meio de conectivos adequados, se não quisermos torná-los incompreensíveis.

Para cada tipo de relação que se pretende estabelecer entre duas orações, existe uma conjunção que se adapta perfeitamente a ela. Por exemplo, a conjunção MAS só deve ser usada para estabelecer uma relação de oposição entre dois enunciados.

Porém, se houver um relação de contradição ou idéia de concessão, a conjunção deverá ser outra:

EMBORA. Se não for assim, o enunciado ficará sem nexo. Observe um caso de escolha inadequada da conjunção:

"EMBORA O BRASIL SEJA UM PAÍS DE GRANDES RECURSOS NATURAIS, TENHO CERTEZA DE QUE RESOLVEREMOS O PROBLEMA DA FOME"

Veja que não existe a relação de oposição ou a idéia de concessão que justificaria a conjunção EMBORA. Como a relação é de causa-efeito, deveria ter sido usada uma conjunção causal:

COMO O BRASIL É UM PAÍS DE GRANDES RECURSOS, TENHO CERTEZA DE QUE RESOLVEREMOS O PROBLEMA DA FOME.

Para que problemas desse tipo não aconteçam em suas redações, acostume-se a relê-las, observando se suas palavras, orações e períodos estão adequadamente relacionados.
 
Fonte: http://www.mundovestibular.com.br/articles/1428/1/Redacao---A-Importancia-dos-Conectivos/Paacutegina1.html
 
outras fontes:

Postagens mais visitadas deste blog

Porta calcinha/cueca