Observando. tu aprendes


Observa a chuva para molhar o teu deserto.
Sente o silêncio para ouvir a voz da intuição.
Observa o sol para iluminar teu ser.
Sobe nas árvores para ter a visão dos frutos.
Corre pelos vales para fluir com os rios.
Dança ao anoitecer para amar com os teus dias.
Sinte tua raiva para expandir com tua alegria.
Olha com os olhos da águia e sente com a pureza do colibri.
Aprende o que é de ti, para dar aos que são iguais a ti.
Sente tuas tempestades para descobrir o cheiro doce da tua calmaria.
Observando, tu aprendes...


Postagens mais visitadas deste blog

Porta calcinha/cueca